Portal da Cidade Jundiaí

Empreendedorismo

Como montar um restaurante de sucesso com 7 dicas valiosas

Abrir o próprio restaurante é o sonho de muitas pessoas porém é necessário compreender que somente a alegria em cozinhar não basta

Postado em 11/05/2021 às 20:19 |

Dicas valiosas para se abrir um restaurante (Foto: Imagem Própria)


Abrir o próprio restaurante é o sonho de muitas pessoas que têm paixão pela arte de cozinhar. Para empreender nesse ramo da gastronomia e alcançar o sucesso, é necessário compreender que somente a alegria em cozinhar não basta. É preciso arquitetar um modelo de negócio sólido e desenvolver competências de gestão para administrar o local.

O cenário é promissor para quem deseja empreender e investir no mercado de alimentação. De acordo com o SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), o setor “alimentação fora de casa” é um ramo que cresce vertiginosamente, com expansão anual de 10%, gerando cerca de 450 mil novas oportunidades de emprego todos os anos.

Atuar no ramo de “alimentação fora de casa” pode parecer simples, mas, na prática, exige planejamento adequado para cumprir regras de órgãos municipais/federais e uma busca constante por aumentar a qualidade dos serviços oferecidos.

Para te ajudar nessa missão, nesse artigo você encontra 7 dicas valiosas para começar um restaurante de sucesso.


01 - Defina o público-alvo ideal que irá frequentar o seu restaurante

É interessante coletar informações do público ao qual você imagina atender. Dados como classe social, formação e hábitos de consumo, são essenciais. Você precisa conhecer o cliente que deseja atender, quais são as suas dores e obsessões, para depois dar seguimento ao modelo de restaurante e local a ser aberto.

02 - Escolha o modelo de restaurante mais adequado

Existem diversos tipos de restaurantes a serem abertos e estão de certa forma atrelados ao público-alvo que irá atender e ao local em que irá inaugurar o restaurante.

Se optar por atender clientes com rapidez, o self-service é a opção ideal, pois trata-se de um modelo de atendimento prático e fácil, no qual o cliente escolhe o que irá comer e ele mesmo se serve. Também aplica-se o modelo de fast-food, pois os pratos são elaborados e servidos com rapidez e práticos de serem ingeridos, como hambúrguer e cachorro quente.

Pode-se também optar por criar uma experiência agradável ao cliente. Nesse caso, restaurantes “à la carte” (tradicionais) e típicos, com pratos específicos de um país ou região, são ideais para gerar uma ótima satisfação ao seu público-alvo.

03 - Estabeleça um local com espaço físico para receber os seus clientes

Após entender os detalhes sobre o seu público e o modelo de restaurante, agora você é capaz de estabelecer qual bairro, cidade ou estado, possui a identidade que vai de encontro as necessidades dos seus futuros clientes. É interessante também checar a concorrência já estabelecida no local, checando os pontos falhos e como o seu restaurante pode oferecer algum diferencial.

04 - Crie uma estrutura de dar inveja

Esse passo envolve tudo relacionado à estrutura e funcionamento do seu restaurante: equipamentos, cardápio, fornecedores, ambiente e atendimento.

Contratar bons funcionários, cozinhar uma comida de qualidade e saborosa, manter um ambiente decorado, garçons atenciosos e equipamentos de qualidade são pontos importantes para que o seu cliente tenha uma experiência memorável e volte ao seu estabelecimento no futuro.

05 - Encante os seus clientes e valorize a presença deles

Existe uma máxima no mercado de que atrair novos clientes é muito mais caro do que manter um cliente antigo e fiel. Quando se tem uma ótima experiência em um restaurante, o cliente compartilha com familiares e amigos, o que torna o seu negócio ainda mais relevante.

Portanto, faça uma gestão organizada da sua carteira de clientes e mantenha-se próximo deles, seja mandando um e-mail com uma promoção devido ao aniversário ou entregando um “mimo” surpresa na casa dele, que pode ser compartilhado nas redes sociais.

06 - Mantenha a organização com documentos e regras sanitárias

Ter todas as licenças para o seu restaurante e mantê-lo legalizado é um dos pontos principais antes de começar a funcionar. Evite marcar uma data de inauguração sem antes ter toda a papelada em mãos.

Alguns dos principais documentos que são necessários:

● Alvará de funcionamento;

● Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros;

● Cadastro Municipal de Vigilância em Saúde;

● CNPJ;

● Outros documentos que variam de acordo com cada cidade.

Além da documentação, seguir as regras sanitárias são essenciais para evitar contratempos, como multas e interdições pela fiscalização da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). Tenha atenção às obrigações do estabelecimento, como manuseio e limpeza dos materiais a serem utilizados, locais que devem ser higienizados com frequência e armazenamento correto dos produtos.

07 - Inclua um sistema de delivery no seu restaurante

Com a popularização dos aplicativos de entrega de comidas, é crescente a quantidade de clientes que utilizam esses serviços, sem nem precisar sair do sofá.

Utilize plataformas de delivery online, como Rappi e Ifood e aumente o seu leque de receitas, sendo também uma forma de atender o seu cliente que não deseja se locomover até o seu restaurante, mas deseja saborear a sua comida.


Gostou do conteúdo? Está pensando em abrir um restaurante?

Conte sua ideia aqui nos comentários do blog Viva Vizinhança!

Fonte:

Receba as notícias de Jundiaí no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário

Outras notícias

data-matched-content-ui-type="image_stacked" data-matched-content-rows-num="2" data-matched-content-columns-num="3">

Mais Lidas